Um novo projeto literário destinado a aficionados por narrativas medievais fantásticas está em fase de captação de recursos para ganhar vida. Trata-se da Série Filhos do Fogo, de Denis Ibañez. O primeiro volume, Sangue de Dragão, já está disponível no Catarse e oferece diversas possibilidades de contribuição, variando entre 10 e 1.500 reais. O livro de formato 16x23cm, cerca de 300 páginas e capa ilustrada por Pedro Kruger tem Campanha Flexível, ou seja: O projeto poderá ser bem-sucedido mesmo que não atinja a meta de inicial em 100%.

Segundo o autor, o projeto “Série Filhos do Fogo” nasceu após muitos estudos históricos e mitológicos, além de reunir diversas referências que influenciaram diretamente em minha maneira de escrever.

Desde criança sou fascinado por fantasia e, dentro do mundo fantástico, a figura do anti-herói sempre chamou minha atenção, sempre olhei para ela com um carinho especial. Isso foi consolidado quando li a “Trilogia dos Espinhos – Mark Lawrence”, não sei se conhece a obra, é sensacional! Sou amigo do autor e trocamos diversas ideias sobre todo o processo de criação do meu livro.

Além disso, após ler obras como “As Crônicas de Gelo e Fogo – George R. R. Martin” e “As Crônicas do Matador de Reis – Patrick Rothfuss”, uma ideia surgiu em minha mente. Nessa época, eu já havia lançado meu primeiro livro em Inglês e Português, além de ter participado de uma antologia e organizar outra, com um conhecimento de mercado satisfatório, cheguei a conclusão de que deveria alçar voos maiores, sonhar mais alto.

Para mais informações sobre a obra e opções de financiamento, basta acessar sua página no próprio Catarse neste link. O período de financiamento vai até 04 de maio de 2018.

Paulistano nascido em 1986, Denis Ibañez desde a infância foi aficionado por histórias fantásticas das mais variadas, fossem animes, livros, séries ou filmes. Sua vocação para literatura foi descoberta ainda em ambiente escolar, uma vez que suas redações sempre eram selecionadas para leitura entre os alunos de sua classe. Formado em comunicação digital, o escritor leva uma vida profissional dupla, atuando como programador durante o dia e transformando em livros as ideias que o acompanham desde o tempo de criança, geralmente nos períodos noturnos. Seu primeiro livro, a fantasia infanto-juvenil intitulada Layerth – O Mundo Perdido, foi lançado na Bienal de São Paulo de 2016 e esgotou-se em pouco tempo, fazendo um enorme sucesso. Após lançar seu primeiro título, o autor escreveu alguns contos independentes, participou da antologia Universos Extraordinários, lançada pela editora Pendragon, além de organizar a antologia intitulada Romances Fantásticos em parceira com a escritora Alessandra Morales, ainda a ser lançada pela Editora Hope. Agora o autor lança o primeiro volume de sua trilogia Filhos do Fogo, intitulado Sangue de Dragão.

 

 

Comentários