Desastrados, carinhosos, inteligentes, distantes, malucos… O cinema tem pais de todos os jeitos. As relações entre pais e filhos é tema de diversos filmes, do drama à comédia. Aqui, uma lista de cinco para aproveitar o fim de semana ao lado do seu pai com muita diversão:

Procurando Nemo – A animação de 2003 é uma das mais lembradas pelos fãs da Pixar. A história acompanha Marlim um peixe-palhaço que vive apenas com seu filho Nemo. Superprotetor, se desespera ao descobrir o sumiço do filho, mas nenhuma correnteza irá impedi-lo de trazer o pequeno de volta pra casa. Vencedor do Oscar de Melhor Animação e indicado em outras três categorias, incluindo Roteiro Original, “Procurando Nemo” é leve e emocionante para os pequenos de qualquer idade.

Capitão Fantástico – Uma família que vive isolada na floresta se vê forçada ao contato social em “Capitão Fantástico”. O filme surgiu de surpresa em 2016, logo chamando atenção de crítica e público pela irreverência. A atuação de Viggo Mortensen como o pai de seis filhos é ótima. Os pequenos são educados de maneira completamente diferente das escolas tradicionais, às vezes sendo crianças muito maduras, outras, demonstrando como a falta de convívio social pode se tornar um problema. Uma obra indispensável para quem busca entender formas mais humanizadas de educar os filhos.

Uma Babá Quase Perfeita – Robin Williams, como sempre, rouba a cena em “Uma Babá Quase Perfeita”. Ele interpreta Daniel, homem recém separado e preocupado como será a relação com os filhos agora. Ele decide se vestir como uma idosa e oferecer o serviço de babá, convivendo com os pequenos sem que eles saibam que é seu pai disfarçado. As situações cômicas desse filme de 1993 levam a um desfecho tocante.

Os Meyerowitz: Família Não Se Escolhe – Uma comédia dramática com Adam Sandler e Ben Stiller? Sim, e muito boa! O diretor Noah Baumbach, conhecido por filmes mais introspectivos como “A Lula e a Baleia” e “Frances Ha”, aposta na sua fórmula do sucesso em “Os Meyerowitz: Família Não Se Escolhe”. Aqui, a comédia é incidental em diálogos e situações mais reais, e não exageradas como os filmes mais famosos de Adam Sandler. Dustin Hoffman é um escultor aposentado que está sendo homenageado em uma galeria. Quando ele adoece antes do evento, os três filhos são forçados e se unir pelo pai. O elenco é todo ótimo, incluindo ainda Emma Thompson e Elizabeth Marvel.

2 Filhos de Francisco – O destaque nacional da lista fica para “2 Filhos de Francisco”, uma biografia romanceada sobre o pai de Zezé di Camargo & Luciano. O Francisco que nomeia o filme (em uma interpretação memorável de Ângelo Antônio) percebe o talento e paixão dos filhos pela música e faz de tudo para realizar o sonho dos pequenos. Ao mesmo tempo em que revela as origens da dupla famosa, o filme faz um panorama da difícil situação das famílias brasileiras nos anos 70. Uma história emocionante, lançada em 2005, que chegou a ser a maior bilheteria do cinema nacional na época.

Comentários